terça-feira, 12 de janeiro de 2016

As Mobílias

As Mobílias
A coluna Nostalgia tem como principal objetivo, como o próprio nome já diz, deixar, nem que seja uma pitada, de saudade nos corações dos usuários que vivenciaram os antigos tempos do jogo. Confira agora a segunda edição de nosso projeto, em que falaremos sobre os mobis, a evolução destes itens e outros tópicos importantes sobre eles.
 Incompráveis e incomparáveis
A época em que os espaços públicos tinham a real essência de simplicidade e harmonia com o original, foi também marcada por mobílias ícones presentes nas salas oficiais do Habbo Hotel. Criações de pixels que nem mesmo os câmbios foram capazes de comprar, mobis que todos queriam em seus quartos ficavam expostos nos tão queridos ambientes coletivos.
          
 Coleções fixas
Algumas coleções como as conhecemos hoje nem sempre foram da forma que são. Temos como exemplo as coletâneasPura, Área e Iced,que chegaram ao Habbo quando o jogo ainda não havia sido lançado nas nações Brasil e Portugal. Ao passar do tempo, essas coleções foram incrementadas com mais mobílias e chegaram ao atual estilo. 
 Coleção Pura
Foi reformulada em maio de 2007, passando a contar com um visuai mais sofisticado e de maior harmonia com as versões do Habbo Hotel. As cores, sombras, arredondamentos e efeitos de textura passaram a se fazer presentes numa coleção em que o predomínio era a simplicidade. Clique nas geladeiras abaixo para expandir a imagem.
 
 Coleção Iced
   
Coleção Área
   
 Mobílias individuais
Alguns mobis da coleção Plastic também sofreram ligeiras modificações em sua aparência. A partir da versão 11, eles passaram a ter menos brilho e portanto ficaram mais simples, aproximando-se ainda mais das características de móvel real.
Em torno da versão 7 a planta chamada Aloe Vera também foi modificada, tendo suas folhas ajustadas. Na décima primeira versão do Habbo, os mobis que mudaram foram: enfeite natalino, tocha gótica e canto de dragão, que passou a combinar ainda mais com a coleção chinesa. Esses mobis receberam mais cor e alguns até mudaram totalmente o design.
            
 Desaparecidos
Desses, apenas os veteranos dos veteranos irão se lembrar. Somente aqueles que começaram a jogar Habbo no sitehabbo.co.uk, quando o jogo ainda não havia sido lançado no Brasil e Portugal. Foram mobílias que não demonstraram utilidade e acabaram sendo retiradas do Habbo Hotel. Algumas retornaram tempos depois com outro visual, como o canto mode e o poster.
   
 Os Colecionáveis
Quem é realmente veterano com certeza se lembrará das horas que passou em frente à câmera criogênica, esperando o oponente dormir, numa resistência promovida pelo ex-gerente Disco-Lee, que tinha um simples e raro emblema como prêmio. Ninguém vai esquecer dos segredos que rondavam o misterioso e radioativo Kraken e dos inúmeros instantes que tentaram resolver o enígma. Esses são apenas dois exemplos de toda a história que esses raros colecionáveis guardam.
Aos que chegaram depois: Os colecionáveis eram mobílias lançadas mensalmente que ficavam disponíveis no catálogo no período de 31 dias. Serviam de bases para promoções, campanhas e disputas temáticas.
 Antigos métodos
- Formas de negociar
Nos tempos passados, as compras eram feitas com pufes, patos e sofás HCs, que representavam o câmbio, antes de sua chegada. 
É estranho imaginar o Habbo sem essas moedas, mas os câmbios não existiam (os câmbios, não os créditos propriamente ditos). Os antigos jogadores recorriam aos mobis acima citados para pagarem suas comprar.
Temos como exemplo o próprio sofá HC. Para adquiri-lo, era preciso pagar doze puffes, levando em consideração que cada um custava cinco moedas no catálogo ou 60 patos (antigamente chamado de pts, assim como atualmente chamam os câmbios de "c").
- Antigo inventário
- Antigo reciclador
O reciclador de mobis nem sempre foi como hoje é conhecido. Tinha um outro estilo e passava ao usuário, ainda mais a sensação de "renovar" a mobília.